Situada no vale do Ardre que corroeu a Montanha de Reims, a cidade de Chaumuzy é charmosa e discreta.

A tradição vitivinícola remonta ao ano de 853 quando um bispo recomendou ao adoentado arcebispo de Reims os vinhos produzidos nessa região, mais especificamente nas encostas de Chaumuzy. Em 1958, Michel cria o Champagne Salmon seguido do seu filho Olivier em 1980 agora acompanhado do seu irmão Alexandre. A propriedade é de apenas 10 hectares sendo 8 hectares plantados em Pinot Meunier, um hectare em Pinot Noir e finalmente um hectare em Chardonnay.

A produção média anual é de apenas 12.000 garrafas.

Notas do produtor:

Cor âmbar com reflexos ligeiramente rosados. Bela efervescência com bolhas finas. Nariz delicado com aromas de frutas amarelas e cítricas como pêssego, ameixa, laranja e mexerica e notas de flores brancas e secas

« Voltar